Morning Call 04/06

Bom dia,


Depois de alguns dias de rali e muito otimismo nos mercados, as bolsas europeias e os índices futuros em Nova York amanhecem realizando lucros. No mercado, o clima é mais cauteloso antes da divulgação da decisão de política monetária do Banco Central Europeu. A expectativa é que a instituição amplie o seu programa de socorro aos países afetados pelo coronavírus.


Com a agenda esvaziada no Brasil, destaque para a divulgação dos pedidos de auxílio-desemprego e da balança comercial nos Estados Unidos.

Será que vamos voltar aos R$5,00 reais, os mercados acionários globais tiveram mais um dia de alívio e otimismo. Mesmo que o coronavírus ainda seja um problema para as economias - e que no Brasil estejamos longe do pico de contágio -, a recuperação da atividade econômica europeia, com números melhores que o esperado, e o alívio na relação entre Estados Unidos e China ajudam a aumentar o apetite por risco dos investidores.


Aqui no Brasil, a percepção é de que o clima esfriou em Brasília e a relação entre governo, STF e Congresso estão mais estavéis, afastando riscos imediatos ao governo de Jair Bolsonaro. Assim, a redução de aversão ao risco prevalece.

O Ibovespa teve então a sua quarta alta consecutiva após avançar 2,15%, e as ishares novamente com uma alta expressiva de 4,43%. O dólar teve queda de 2,28%, a R$ 5,0901. Outra notícia que ajudou a trazer mais alívio ao câmbio foi a captação de US$3,5 bilhões pelo Tesouro, através de emissão de títulos de dívida de 5 a 10 anos.


As bolsas asiáticas deram continuidade ao rali durante a madrugada. Ainda sustentados pelo otimismo com relação às reaberturas econômicas, os investidores também aguardam novos estímulos monetários e fiscais para lidar com o estrago deixado pelo coronavírus.

Nesta manhã, alguns novos dados da economia europeia foram divulgados. As vendas no varejo da zona do euro tiveram queda recorde de 11,7% em abril ante março - o esperado era um tombo ainda maior, de 19%.

Em Nova York, os investidores também realizam lucros, com os índices futuros operando no vermelho.

As tensões sociais também seguem no país. Ontem, os Estados Unidos enfrentou o nono dia de protestos. Sem apoio dos militares, Donald Trump voltou atrás e disse que não irá colocar o Exército na rua para impedir as manifestações. O presidente também afirmou que não irá impor novas sanções à China. Medidas de retaliação ao país asiático são monitoradas pelo mercado desde que a tensão entre os países voltou a escalar. Recentemente, o conflito tem como pano de fundo a autonomia de Hong Kong.


Na agenda de hoje temos além da divulgação da política econômica do BCE 8:45 e subsequente coletiva 9:30, nos Estados Unidos, temos a divugação dos pedidos semanais de auxílio-desemprego. Ainda nos EUA, temos também a balança comercial de abril.



Antes de falar em investimentos, vamos falar de alta performance. Nosso maior objetivo é entender as pessoas, processos e tecnologia. Entre em contato com a gente e venha fazer parte do nosso universo.

Instagram

REDES SOCIAIS

Copywrite Hightrading 2017 © Todos os direitos reservados.